Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Partido alemão quer expulsão do euro dos países do sul 'quiça' de Portugal

Lusa

  • 333

Berlim, 18 mai (Lusa) - O recém-criado partido alemão minoritário de eurocéticos defendeu hoje a expulsão da zona euro dos países em crise no Sul da Europa "para o seu bem" e a reintrodução das moedas nacionais na Grécia e "quiça" em Portugal.

Numa entrevista ao jornal alemão Frankfurter Allgemeinen Sonntagszeitung, que será publicada na íntegra no domingo, o presidente do novo partido Alternativa para a Alemanha (AfD), Bernd Lucke, sublinha que a Alemanha deve conservar o euro, ao contrário do ceticismo inical a esse respeito, "mas os países do sul da Europa não".

O AfD frisa que a reintrodução das moedas nacionais pressuporia um acordo relativo ao perdão da dívida soberana dos países que abandonassem a zona euro, apontando a Grécia como um deles, e "quiça" (talvez) Portugal.