Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Parceiros sociais defendem antecipação da data prevista para reforço da supervisão bancária

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 dez (Lusa) -- Os parceiros sociais mostraram-se hoje favoráveis ao reforço da supervisão bancária nos países europeus, mas defenderam a antecipação da sua aplicação para 2013.

"No entender da UGT, o reforço da União Económica e Monetária (UEM) é positivo. Entendemos que é importante avançar com um mecanismo de supervisão bancária, mas o prazo parece-nos bastante longo", afirmou o secretário-geral da UGT, João Proença, no final de uma reunião em sede de concertação social a propósito do Conselho Europeu de quinta-feira e sexta-feira, em Bruxelas.

Após o encontro, que contou com a presença do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, João Proença considerou que os prazos para a entrada em vigor deste mecanismo deveriam ser antecipados para 2013 -- uma vez que está prevista a sua aplicação em pleno em 2014.