Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Pagamentos do Estado em atraso aumentam em 42 ME em março - DGO

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 abr (Lusa) - O Estado aumentou em 42 milhões de euros o montante dos pagamentos em atraso (dívidas há mais de 90 dias) face a fevereiro, o que se deveu aos pagamentos devidos aos hospitais EPE, que subiram 81 milhões de euros.

De acordo com a síntese de execução orçamental de março, hoje publicada pela Direção-Geral do Orçamento (DGO), no final do primeiro trimestre, o montante dos pagamentos em atraso do Estado ascendia aos 1.957 milhões de euros, valor que, no final do mês anterior, era de 1.996 milhões.

As dívidas em atraso há mais de 90 dias aos hospitais EPE foram as que mais aumentaram (+81 milhões de euros), devendo o Estado 807 milhões de euros a estas entidades no final do primeiro trimestre deste ano.