Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Oscar Pistorius: Magistrado aceita tese de homicídio premeditado

Lusa

  • 333

Pretória, 19 fev (Lusa) - O magistrado Desmond Nair, que preside à audiência preliminar do atleta paralímpico Oscar Pistorius, aceitou a tese da Procuradoria de que o arguido terá cometido homicídio premeditado contra Reeva Steenkamp.

Pouco antes do intervalo para almoço da audiência, que atraiu ao tribunal da comarca de Pretória uma multidão de jornalistas e curiosos, o juiz anunciou que o processo será tratado como um crime do grau 6 no Código Penal Sul-Africano, a categoria reservada aos crimes mais graves e que implica premeditação.

Esta decisão torna extremamente difícil para a defesa de Oscar Pistorius a tarefa de, na sessão da tarde, convencer o juiz da existência de "circunstâncias excecionais" para a libertação, mediante o pagamento de caução, do arguido.