Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Os sacrifícios pedidos não são em vão" -- Carlos Moedas

Lusa

  • 333

Nova Iorque, 15 out (Lusa) -- O secretário de Estado Carlos Moedas disse hoje que os sacrifícios que estão a ser pedidos aos portugueses "não são em vão" e que regressar aos mercados é única maneira de "conseguirmos livrar-nos" da 'troika'.

O responsável integra a comitiva que participa hoje no 'Dia de Portugal' na Bolsa de Nova Iorque. Em declarações aos jornalistas, após ter tocado o sino que simboliza a abertura do mercado, Carlos Moedas não quis falar especificamente sobre o Orçamento do Estado, mas garantiu que os "sacrifícios pedidos não são em vão".

"Obviamente que todos temos consciência dos sacrifícios, os sacrifícios são feitos pelas nossas famílias, pela sua e também pela minha, e esses sacrifícios não são em vão", afirmou Carlos Moedas.