Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Organizações portuguesas escrevem a Durão Barroso contra nova lei das sementes

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 mai (Lusa) - Várias organizações ambientalistas e agrícolas portuguesas entregam hoje ao presidente da Comissão Europeia uma carta aberta contra a proposta de alteração da lei das sementes, que consideram "um ataque" à agro biodiversidade e à segurança alimentar local.

As 28 organizações transmitem a José Manuel Durão Barroso a sua preocupação com as consequências da proposta para a nova lei das sementes, a ser votada pelos comissários europeus na segunda-feira, e que, defendem, virá "agravar o clima restritivo e burocrático que rege a comercialização de sementes de cultivo".

Um comunicado hoje divulgado pela Quercus, uma das associações que assina a carta, apela à "diversidade e ao direito à escolha no campo e na horta".