Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Organizações alertam para violações de direitos humanos na Guiné Equatorial antes das eleições

Lusa

  • 333

Londres, 07 mai (Lusa) - Organizações internacionais alertaram hoje para um previsível agravamento das violações dos direitos humanos e da falta de liberdade durante a campanha eleitoral para as eleições de 26 de maio na Guiné Equatorial.

Numa declaração divulgada hoje em Londres, a Amnistia Internacional, a Human Rights Watch e a Equatorial Guinea Justice manifestam preocupação pelas várias prisões políticas ocorridas nos últimos meses, considerando que poderão intensificar-se durante a campanha eleitoral, que arranca a 10 de maio.

Referem ainda perseguições a membros da oposição, denúncias de intimidações a eleitores, falta de liberdade de expressão, ingerência no processo eleitoral e restrições à ação dos observadores internacionais.