Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Orçamento do Estado para 2014 terá que ser diferente -- Paulo Portas

Lusa

  • 333

Lisboa, 14 dez (Lusa) - O líder do CDS-PP, Paulo Portas, afirmou hoje que os conselheiros nacionais do partido expressaram que o partido devia ter sido mais ouvido em matéria fiscal e que o Orçamento do Estado para 2014 terá que ser diferente.

"Do ponto de vista do sentimento do partido, muitos conselheiros expressaram a ideia de que gostariam que posições do CDS, nomeadamente em matéria de política fiscal, pudessem ter sido mais ouvidas", afirmou.

"Foi muito nítida no Conselho a ideia que o Orçamento do Estado para 2014 tem que ser diferente do Orçamento do Estado para 2013, nomeadamente quanto ao equilíbrio que é preciso repor entre aquilo que é reduzir a despesa do Estado consigo próprio ou exigir encargos suplementares às empresas e às famílias", declarou.