Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Oposição contesta cedência do centro de secagem de Alcácer do Sal, Governo defende investimento

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 jul (Lusa) -- A oposição contestou hoje, na comissão parlamentar de Agricultura e Mar, a cedência do centro de secagem de Alcácer do Sal ao Agrupamento de Produtores APARROZ, decisão que, segundo o Governo, aumentará o investimento e a capacidade de produção.

A falar esta tarde no parlamento, o secretário de Estado da Agricultura, José Diogo Albuquerque, considerou que a decisão tomada pelo Governo de ceder o centro de secagem de Alcácer do Sal à APARROZ -- Agrupamento de Produtores de Arroz do Vale do Sado, associação com fins lucrativos, "só pode ajudar o setor".

Reservada à Associação de Agricultores do Distrito de Setúbal (AADS), sem fins lucrativos, e que na última década geriu os dois centros, explicou o secretário de Estado, fica a unidade de Águas de Moura.