Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2014: FESAP admite consenso sindical sobre greve mas recusa data

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 out (Lusa) -- A Frente Sindical da Administração Pública (FESAP) admitiu hoje haver consenso das estruturas sindicais sobre a marcação de uma greve para protestar contra o Orçamento do Estado para 2014 (OE2014), mas ressalvou não ter sido ainda acordada a data do protesto.

Em declarações à Lusa, o secretário-geral da FESAP, Jorge Nobre dos Santos, explicou que "ainda não foi discutido se a greve vai ter lugar a 8,9 ou 10 [de novembro]", apesar de o Sindicato dos Quadro Técnicos do Estado (STE) - também afeto à UGT - ja ter anunciado hoje a data de 8 de novembro - e remeteu o anúncio de uma data para "os próximos dias".

"Há disponibilidade de unidade sindical", afirmou, explicando que os sindicatos têm ainda de reunir para anunciar uma data para a greve e que a FESAP "não pode avançar sozinha" uma data, mas que "não está importada com quem leva a bandeira", referindo-se ao facto de o STE ter já avançado com o 8 de novembro.