Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2014: CTP diz que aumento da idade da reforma vai prejudicar competitividade

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 out (Lusa) -- A Confederação do Turismo Português (CTP) mostrou-se hoje contra o aumento da idade da reforma para os 66 anos, dizendo que a medida não contribui para maior competitividade na economia nem para gerar emprego.

Em comunicado, o presidente da CTP, Francisco Calheiros, disse que a medida, já aprovada em Conselho de Ministros, "não será benéfica para o aumento do emprego, sobretudo jovem, uma vez que irá dificultar a entrada de recursos jovens e qualificados para um mercado de trabalho cada vez mais exigente".

"A CTP defende medidas concretas para combater o enorme flagelo social que enfrentamos atualmente, que é uma taxa de desemprego superior a 16%, e não uma medida que irá prejudicar a competitividade das empresas e contrariar os seus objetivos de renovação de quadros. As empresas precisam de profissionais com formação adequada às exigências do mercado global e com competências em novas tecnologias", acrescentou o dirigente da confederação.