Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2014: BE critica "brutal pacote de austeridade" que contraria palavras de Paulo Portas

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 out (Lusa) - O Bloco de Esquerda (BE) criticou hoje o "brutal pacote de austeridade" que é o Orçamento do Estado (OE) para 2014, documento que considera contrariar as palavras do vice-primeiro-ministro Paulo Portas quando disse que não existiria mais austeridade.

"Este OE é um brutal pacote de austeridade que ataca logo os funcionários públicos que ganham 600 euros por mês", notou o líder parlamentar do partido, Pedro Filipe Soares, em declarações no parlamento após ter sido conhecida a proposta de OE do Governo para 2014.

O Governo, diz o bloquista, "segue por um caminho que se provou que não tem saída" e apresenta um défice para 2013 "que prova que a austeridade não compensa".