Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2014: Administração regional e local com saldo deficitário de 1.055 ME no final deste ano

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 out (Lusa) - A administração regional e local deverá apresentar no final de 2013 um saldo deficitário de 1.055 milhões de euros, segundo o relatório que acompanha a proposta de lei do Orçamento do Estado para 2014 entregue na terça-feira no parlamento.

"A administração regional e local deverá apresentar, no final de 2013, um saldo deficitário de 1.055 milhões de euros (1.109 milhões de euros negativos na administração regional e 54 milhões de euros na administração local). Este saldo é, em grande parte, reflexo dos programas de regularização de dívidas de anos anteriores que foram implementados durante o ano corrente", refere o relatório, a que a agência Lusa teve acesso.

No documento, o Governo explica que "enquanto a administração local beneficiou do Programa de Apoio à Economia Local (PAEL), no montante previsto de 660 milhões de euros, a Região Autónoma da Madeira obteve o aval da República na contratação de empréstimos junto da banca no montante de cerca de 1.100 milhões de euros. Assim, excluindo o efeito dos programas que visam exclusivamente o pagamento de dívidas de anos anteriores, é expectável um saldo para a administração regional e local de 705 milhões de euros (480 milhões de euros em 2012)".