Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: QREN contribui com 380 milhões de euros para melhorar receita

Lusa

  • 333

Lisboa, 31 mai (Lusa) - A proposta de Orçamento retificativo hoje entregue na Assembleia da República contempla uma melhoria de 991 milhões de euros da receita não fiscal, para a qual contribuem sobretudo os 380 milhões de euros de fundos europeus previstos no QREN.

Segundo o documento, a estimativa de receita não fiscal situa-se agora nos 17.427 milhões de euros (mais 991 milhões face ao Orçamento do Estado para 2013), evolução para a qual contribui essencialmente o incremento de 380 milhões na previsão da receita dos fundos europeus, "decorrente da reprogramação do mecanismo de majoração".

Para esta melhoria contam igualmente a reposição do subsídio na receita da Caixa Geral de Aposentações (302 milhões de euros), o aumento dos dividendos do Banco de Portugal (186 milhões de euros) e a inclusão dos dividendos da PARPÚBLICA (38 milhões).