Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: "Metas rigorosas" impõem aumento de impostos contrário à ideologia do PSD -- Duarte Pacheco

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 out (Lusa) - O deputado social-democrata Duarte Pacheco defendeu hoje que as "metas rigorosas" assumidas na última avaliação da 'troika' impõem o aumento de impostos incluído no Orçamento para 2013, que classificou de contrário à ideologia do PSD.

Em declarações aos jornalistas, na Assembleia da República, Duarte Pacheco afirmou que a missão do PSD é "apoiar o Governo na sua estratégia de voltar a dar soberania plena ao Estado português" e manifestou-se convicto de que todos os deputados da bancada social-democrata estarão "ao lado do Governo" na votação da proposta de Orçamento do Estado para 2013.

O deputado social-democrata considerou que "este é um Orçamento difícil para todos, para as famílias e as empresas", e apontou a obrigação de cumprir as metas assumidas pelo Estado português como a razão para o aumento de impostos incluído na proposta do Governo: "Para serem alcançadas, infelizmente, tem de ser com esta carga fiscal, que nos preocupa a todos, e que nem sequer corresponde às orientações ideológicas do PSD".