Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Medidas voltam a contribuir "para agravamento da retração do consumo" - Confederação Turismo

Lusa

  • 333

Lisboa, 03 out (Lusa) - A Confederação do Turismo Português considera que as novas medidas do Governo "continuam a contribuir de forma inegável para o agravamento da retração do consumo" o que, consequentemente, afetará "negativamente a atividade das empresas que dependem do mercado interno".

Embora, a Confederação do Turismo Português (CTP) diga que entende a necessidade de serem cumpridas as metas acordadas com a 'troika' (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu) com o objetivo de combater o défice estrutural, continua "a considerar fundamental a adoção de medidas claras de estímulo à economia", lê-se em comunicado, em reação às medidas anunciadas pelo ministro das Finanças, Vítor Gaspar, para 2013.

A Confederação do Turismo Português garante, por isso, que continuará a defender, quer em sede de Concertação Social quer junto dos decisores, "uma estratégia de equilíbrio orçamental baseada na contração da despesa pública e na aplicação de medidas que permitam evitar a baixa de consumo, e ainda medidas que eliminem as barreiras aos setores exportadores", como é o caso do seu setor.