Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Medidas aprovadas visam margem negocial para consenso alargado -- Governo

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 abr (Lusa) - O Governo afirmou hoje repetidas vezes, sobretudo através do novo ministro adjunto do primeiro-ministro, que as medidas aprovadas para a consolidação orçamental visam garantir uma ampla margem negocial para a promoção de um consenso alargado.

Na conferência de imprensa sobre as conclusões da reunião do Conselho de Ministros, o ministro adjunto e do Desenvolvimento Regional, Miguel Poiares Maduro, frisou que o consenso que o Governo pretende alcançar com os parceiros sociais e políticos, em particular o PS, se estende à procura de uma agenda para o crescimento e emprego e à política europeia.

Miguel Poiares Maduro começou por afirmar que as medidas aprovadas no Conselho de Ministros de quarta-feira, que se prolongou até hoje de madrugada, "visam garantir a mais ampla margem de negociação e de promoção de um consenso alargado sobre a melhor forma de Portugal cumprir obrigações a que está vinculado no quadro europeu e no quadro internacional".