Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Documento não é em "termos fiscais" melhor estímulo para a economia -- Álvaro Santos Pereira

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 out (Lusa) - O ministro da Economia reconheceu hoje que a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2013 "não é em termos fiscais o melhor estímulo para a economia", mas defendeu que é o orçamento "necessário" para o país.

Álvaro Santos Pereira classificou ainda o documento como o "mais duro das últimas décadas", em palavras ditas em Lisboa numa conferência sobre "O Estado e a Competitividade da Economia portuguesa", organizada pela Antena 1 e Jornal de Negócios.

As palavras do governante surgem um dia depois de o Executivo ter apresentado o OE para o próximo ano na Assembleia da República.