Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2012: Receita com impostos indiretos este ano está a ser inferior à de 2008 - UTAO

Lusa

  • 333

Lisboa, 31 jul (Lusa) - A receita fiscal angariada através de impostos indiretos na primeira metade deste ano foi inferior à obtida no mesmo período de 2008, afirmam os técnicos de apoio à comissão parlamentar do Orçamento.

Num relatório sobre a execução orçamental para o primeiro semestre de 2012, a Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO) regista que a receita com impostos indiretos (na sua maioria impostos sobre o consumo, incluindo o IVA) caiu 5 por cento relativamente ao ano anterior.

Esta quebra é equivalente a 515 milhões de euros, e significa que a receita dos impostos indiretos foi "inclusivamente inferior à registada no mesmo período de 2008" - entretanto, a taxa normal do IVA passou de 21 por cento para 23 por cento, e vários produtos passaram das taxas mínima ou intermédia para o escalão máximo.