Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2012: Políticas do Governo são "fracasso" e novas medidas de austeridade "a continuação do desastre" - Jerónimo de Sousa

Lusa

  • 333

Grândola, Setúbal, 24 (ago) - O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou hoje que os dados da execução orçamental de julho são "reflexo do fracasso" das políticas do Governo e que novas medidas de austeridade seriam "a continuação do desastre".

Segundo o líder comunista, que discursava em Grândola, "os dados da execução orçamental estão a mostrar, de forma bastante esclarecedora, o caminho do desastre para que as políticas cegas da austeridade estão a conduzir, com os seus efeitos contraproducentes na economia e nas próprias receitas fiscais".

Para Jerónimo de Sousa, os dados da execução orçamental de julho, hoje divulgados, são "o reflexo do fracasso" das medidas do Governo.