Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ocupação reduzida e obras em pousadas de juventude motivam investimentos municipais

Lusa

  • 333

Redação, 08 fev (Lusa) -- Em contexto de crise, vários municípios portugueses têm investido em pousadas de juventude ou ponderam fazê-lo, inclusive com a compra de dormidas, para ajudar a manter os alojamentos.

A Câmara de Torres Vedras (distrito de Lisboa) acordou com o Instituto Português do Desporto e da Juventude a abertura de uma unidade na praia de Santa Cruz no próximo verão.

A compra do imóvel (2,2 milhões de euros) e do imobiliário coube à autarquia, que vai também assumir os eventuais prejuízos que resultarem da exploração, enquanto a empresa pública Movijovem (gestora de 40 pousadas) fica responsável pela gestão do espaço.