Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Óbito: Morreu o jornalista e diplomata libanês Ghassan Tueni

Lusa

  • 333

Beirute, 08 jun (Lusa) -- O jornalista e diplomata libanês Ghassan Tueni morreu hoje aos 86 anos, informou o diário "An Nahar", de que era proprietário.

Tueni foi deputado, ministro e embaixador do Líbano na ONU e, sob a sua direção, o jornal "An Nahar" tornou-se célebre no mundo árabe pela defesa das liberdades numa região dominada pelos órgãos de comunicação estatais.

Tueni foi também considerado como o principal mentor da resolução 425 do Conselho de Segurança, em 1978, que apelou a Israel a retirar as suas tropas após a invasão do sul do Líbano, e que apenas se materializou no ano 2000.