Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Óbidos relança projeto de instalação de sistemas de microprodução energética

Lusa

  • 333

Óbidos, 26 mar (Lusa) -- A Câmara Municipal de Óbidos lançou hoje a segunda fase do projeto "Óbidos Solar", que vai possibilitar aos habitantes pagarem apenas mil euros por sistemas de micro geração que permitirão reduzir os custos energéticos das famílias.

O protocolo assinado hoje com quatro empresas permite instalar uma unidade de microprodução (com painéis fotovoltaicos e solares térmicos) através de "um investimento máximo de mil euros, que possibilita às famílias aumentar receitas e reduzir despesas com o aquecimento de águas", afirmou o vice-presidente da Câmara de Óbidos, Humberto Marques.

O projeto assenta num modelo em que as empresas instalam os painéis, orçados entre os dez e os 12 mil euros, em regime de concessão durante dez anos.