Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"O episódio da TSU é um erro de palmatória que foi corrigido" -- Mota Amaral (PSD)

Lusa

  • 333

Povoação, 10 out (Lusa) -- O antigo presidente da Assembleia da República Mota Amaral, do PSD, reconheceu hoje que o Governo tem cometido erros e deu como exemplo a alteração Taxa Social Única (TSU), que foi corrigida com "humildade democrática".

"O episódio da TSU é um erro de palmatória que foi corrigido logo a seguir", afirmou aos jornalistas Mota Amaral, à margem de uma ação de campanha do PSD para as eleições regionais açorianas de 14 de outubro.

Admitindo que existem alguns erros na Governação, que o "povo reconhece", Mota Amaral sublinhou que o executivo PSD/CDS "tem vindo a emendá-los com humildade democrática".