Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Novos dispositivos aumentam necessidades de segurança informática nas empresas - Investigador

Lusa

  • 333

Porto, 04 out (Lusa) -- Com o advento dos 'smartphones' e dos 'tablets', a segurança informática nas empresas ultrapassa a das respetivas redes internas e é hoje muito mais abrangente e exigente, destacou hoje um responsável da Universidade de Londres.

"Mesmo que uma empresa faça tudo bem, tenha antivírus e vários mecanismos de segurança e de controlo, se um trabalhador trouxer o seu telefone ou 'tablet' para o escritório e transferir dados do computador para esse equipamento, então o que estará em questão já não será segurança da rede interna da empresa, mas a do seu equipamento pessoal", explicou o responsável pedagógico do Information Security Group da Royal Holloway, da Universidade de Londres, em entrevista à agência Lusa.

Segundo Stephen Wolthusen, atualmente "o grande desafio" dos profissionais de segurança é, por isso, "terem de se preocupar não apenas com os sistemas e redes internos das empresas, mas também com a forma como estes estão ligados a equipamentos pessoais, nomeadamente de funcionários que trabalham a partir de casa".