Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Novo Governo: FNE e Fenprof esperam que novo ministro da Educação suspenda modelo de avaliação

Lusa

Lisboa, 17 jun (Lusa) - A Federação Nacional de Professores (Fenprof) e a Federação Nacional de Educação (FNE) querem que o novo ministro da Educação suspenda imediatamente o atual modelo de avaliação dos professores e dizem-se na expetativa para ver que programas serão implementados.

À agência Lusa, momentos depois de se saber que o novo ministro da Educação, do Ensino Superior e da Ciência é o professor catedrático Nuno Crato, o secretário-geral da Fenprof sublinhou que "o que é determinante não é o ministro, mas sim os programas que vão ser implementados".

Mário Nogueira frisou que "o ponto de partida é extremamente negativo e preocupante", referindo-se ao programa do memorando assinado com a 'troika' [Banco Central Europeu, Fundo Monetário Internacional e Comissão Europeia], e que os programas eleitorais dos partidos também criam "grande preocupação".