Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nova lei contestada pelos estivadores vai ser votada na generalidade a 29 de novembro

Lusa

  • 333

Lisboa, 21 nov (Lusa) -- A nova lei sobre o regime jurídico do trabalho portuário, que está na origem das sucessivas greves dos estivadores, vai ser debatida na generalidade no Parlamento a 29 de novembro, disse hoje o secretário de Estado dos Transportes.

"[A proposta de lei] será debatida na generalidade no Parlamento a 29 de novembro e depois segue-se a discussão na especialidade e a aprovação final e esse vai ser um dia em que a eficiência portuária será aumentada e todos aqueles que, em diálogo, promoveram o acordo verão esse esforço de negociação premiado", afirmou o secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro, à margem da inauguração de uma loja dedicada à produção nacional, no aeroporto de Lisboa.

No dia em que está agendada a discussão da proposta de lei na generalidade, começa um novo período de greve dos estivadores, nos aeroportos de Lisboa, Setúbal, Figueira da Foz e Aveiro.