Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nova autoestrada entre a via rápida da Caparica e o Barreiro concluída em todos os troços

Lusa

  • 333

Barreiro, 28 nov (Lusa) -- O presidente da Estradas de Portugal considerou hoje que a A33, entre a via rápida da Caparica e o Barreiro, que ficou hoje concluída "manteve o essencial" da obra original apesar da renegociação do projeto com o concessionário.

A A33, a funcionar já em pleno, atravessa os concelhos de Almada, Seixal e Barreiro, e permite a distribuição de todo o tráfego da margem esquerda do Tejo, designadamente os itinerários que utilizam as pontes 25 de Abril e Vasco da Gama.

"Este é o exemplo de um acordo em que foi feita uma renegociação mas em que se procurou preservar o essencial para os clientes. Este nó na Penalva encerra este último percurso de 21 quilómetros", permitindo criar "uma circular entre a Trafaria e Alcochete, que vai redistribuir o tráfego a nível regional", disse à Lusa António Ramalho, presidente da Estradas de Portugal.