Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Norte-americano condenado a 15 anos de trabalhos forçados na Coreia do Norte

Lusa

  • 333

Seul, 02 mai (Lusa) -- Um cidadão norte-americano de origem coreana foi condenado a uma pena de 15 anos num campo de trabalho na Coreia do Norte pelos "atos hostis" contra o regime comunista, anunciou hoje a agência oficial norte-coreana KCNA.

"O Supremo Tribunal condenou-o a 15 anos de trabalhos forçados por este crime", indicou a KCNA, referindo-se a Pae Jun-Ho, cujo nome americano é Kenneth Bae, detido, em novembro, na cidade portuária de Rason.

A imprensa sul-coreana identificou Pae Jun-Ho como sendo um operador turístico americano de origem sul-coreana de 44 anos.