Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nicolás Maduro ordena investigação a ataque a estudantes da oposição por alegados 'chavistas'

Lusa

  • 333

Caracas, 09 abr (Lusa) -- O presidente interino da Venezuela, Nicolás Maduro, ordenou segunda-feira uma investigação a um ataque de um grupo alegadamente apoiante de Chávez contra estudantes da oposição que protestavam pacificamente em Caracas provocando sete feridos.

"Ordenei ao ministro (do Interior, Néstor) Reverlo e ao general (Miguel) Rodriguez Torres, chefe do Serviço de Informações, que procedam à investigação para determinar o que se passou e que seja preso aquele que tiver que ser preso", disse Maduro Numa declaração transmitida pelo canal VYV.

O presidente interino salientou tratar-se de "estranhos atos de violência" perpetrados por "um pequeno grupo muito violento financiado pelo governo dos Estados Unidos" numa alusão aos manifestantes do grupo Operação Soberania, que levou a cabo diferentes protestos nas últimas semanas.