Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nicolás Maduro garante que visitará a China apesar de ter de fazer rota mais longa

Lusa

  • 333

Caracas, 20 set (Lusa) -- O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, afirmou quinta-feira que, apesar da recusa norte-americana em sobrevoar o espaço aéreo de Porto Rico, parte hoje para a China onde realizará uma visita oficial de 12 dias.

Em declarações à imprensa, Nicolás Maduro disse que já este fim de semana irá reunir com o seu homólogo chinês, Xi Jinping, para abordarem a cooperação bilateral e perspetivar o futuro das relações.

"Negar a passagem a um chefe de Estado para que este possa sobrevoar um espaço aéreo de uma terra que eles colonizaram, como Porto Rico, é uma falta grave", considerou.