Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Neurocirurgião João Lobo Antunes distinguido, por unanimidade, com o Prémio Universidade de Lisboa

Lusa

  • 333

Lisboa, 14 mar (Lusa) -- O neurocirurgião João Lobo Antunes foi distinguido, por unanimidade, com o Prémio Universidade de Lisboa, pelo seu contributo para o desenvolvimento e projeção da cultura científica em Portugal, anunciou hoje o júri do galardão.

Na ata do júri, ao qual presidiu o reitor da instituição, António Nóvoa, é sublinhado que Lobo Antunes, de 68 anos, é "uma das figuras que mais contribuiu para o desenvolvimento e projeção da moderna cultura científica em Portugal".

"A ele se deve uma vigorosa expansão de fronteiras institucionais, com particular destaque para a criação do Instituto de Medicina Molecular e, mais recentemente, para o processo de fusão que conduziu à nova Universidade de Lisboa", afirma o júri.