Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Nave Cultural é aposta da Câmara de Santo Tirso no combate ao desemprego

Lusa

  • 333

Santo Tirso, 25 out (Lusa) - Uma Nave Cultural abriu hoje numa antiga fábrica têxtil de Santo Tirso, num investimento municipal de 2,2 milhões e que tem como principal objetivo combater o desemprego, o "principal flagelo" do Vale do Ave.

Para o presidente da Câmara de Santo Tirso, Castro Fernandes, aquela nave é "um projeto-âncora" para o concelho, assumindo-se como "um espaço que vai proporcionar várias atividades ligadas às artes, à indústria e à investigação", fomentando novas saídas profissionais.

A ideia é transformar aquela antiga fábrica num Quarteirão Cultural, "ao dispor de todos aqueles que queiram inovar e dignificar o concelho e a região".