Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Namoro" entre CDS e PS torna mais difícil alternativa de esquerda -- BE

Lusa

  • 333

Lisboa, 22 jun (Lusa) -- O coordenador do Bloco de Esquerda João Semedo disse hoje que o líder socialista, António José Seguro, "comete algumas infidelidades" ao alimentar uma espécie de "namoro" com o CDS-PP e que compromete uma eventual alternativa à esquerda.

Numa declaração aos jornalistas após uma reunião da Mesa Nacional do BE, em Lisboa, João Semedo disse que o PSD e o CDS-PP (parceiros da coligação governamental) estão a "ensaiar a manobra de a prazo anunciar o divórcio" e que o CDS já está a "iniciar o namoro" com o Partido Socialista. Uma aproximação que considera que pode pôr em causa uma alternativa à esquerda.

"Infelizmente para a democracia e para a esquerda, Seguro alimenta este namoro e comete algumas infidelidades à esquerda. Essas ambiguidades e hesitações de António José Seguro enfraquecem a oposição à política deste Governo e tornam mais difícil uma alternativa de esquerda", disse o dirigente bloquista.