Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mutualista da Covilhã defende "Programa de Emergência Social" no concelho

Lusa

  • 333

Covilhã, 29 out (Lusa) - O presidente da Associação Mutualista Covilhanense, Carlos Casteleiro, defende a necessidade de implantar no concelho da Covilhã um Programa de Emergência Social que permita servir refeições gratuitas e "matar a fome" aos mais carenciados.

Este responsável considera que o referido plano deverá envolver todas as "instituições sociais do concelho da Covilhã, a câmara municipal e juntas de freguesia", entidades às quais lança um apelo público para que se unam à Mutualista Covilhanense na concretização do programa.

"Atualmente, na Covilhã, neste concelho e nesta região - como um pouco por todo o país - há grandes dificuldades económicas que se revelam nomeadamente naquilo que todos pensamos que é o básico. E o básico é o comer", afirmou, em conferência de imprensa.