Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Músico Paul McCartney apela a Presidente russo para ajudar a libertar ecologistas

Lusa

  • 333

Londres, 14 nov (Lusa) - O músico britânico Paul McCartney revelou hoje ter pedido ao Presidente russo, Vladimir Putin, para ajudar os 30 ativistas ecologistas da Greenpeace detidos após um protesto no Ártico.

"Era ótimo que este mal-entendido pudesse resolver-se e os ativistas pudessem ir para casa a tempo de passar o Natal com as suas famílias", lê-se na carta enviada ao chefe de Estado russo, divulgada hoje na página Internet do ex-Beatle.

McCartney afirmou que ainda não teve resposta à carta mas que o embaixador russo em Londres tinha indicado que a situação dos 30 detidos "não está a ser bem representada nos meios de comunicação mundiais".