Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Municípios: Governo rejeita proposta de Rio sobre gestão administrativa de autarquias em desequilíbrio

Lusa

  • 333

Lisboa, 10 jun (Lusa) -- O secretário de Estado da Administração Local rejeitou hoje a proposta avançada no sábado pelo presidente da Câmara do Porto, segundo a qual as autarquias em desequilíbrio financeiro deviam ser getidas por uma comissão administrativa.

"Para as autarquias excessivamente endividadas há um enquadramento na lei das finanças locais, que define o quadro de condições para que essas autarquias possam refazer a sua recuperação financeira. Essa figura existe na lei das finanças locais", afirmou à Lusa, assegurando que uma hipótese como a sugerida por Rui Rio "está completamente fora de questão".

O presidente da Câmara do Porto, Rui Rio (PSD), defendeu sábado, durante uma intervenção na Curia, na 2.ª universidade do poder local do PSD, em Aveiro, que as autarquias muito endividadas não deveriam ter eleições, mas sim uma comissão administrativa para a gestão corrente, até estarem equilibradas.