Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Multidão lincha suspeito de ataque à bomba no Afeganistão

Lusa

  • 333

Cabul, 28 out (Lusa) -- Uma multidão apedrejou até à morte um homem suspeito de ter matado 18 pessoas num ataque à bomba cometido no domingo, na instável província afegã de Ghazni, informaram hoje responsáveis locais.

A bomba, colocada na beira de uma estrada, explodiu à passagem de um miniautocarro que transportava convidados de um casamento, matando 18 pessoas, na maioria mulheres.

Dezenas de aldeões perseguiram o homem, suspeito de ligações aos talibãs, tendo-o encontrado escondido numa capoeira junto à sua habitação, em cujas imediações terão descoberto um controlo remoto que terá acionado a bomba, segundo o vice-governador da província, Mohammad Ali Ahmadi, citado pela agência France Presse.