Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

MP pede prisão efetiva para homem acusado de raptar, torturar e violar companheira

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 dez (Lusa) - O Ministério Público (MP) pediu hoje uma pena de prisão efetiva para o homem acusado de ter raptado, torturado e violado a companheira em pensões e numa habitação no Bairro da Mouraria, em Lisboa.

Nas alegações finais de hoje, fonte judicial adiantou à agência Lusa que, para o MP, ficaram provados todos os factos constantes na acusação, razão pela qual a magistrada pediu uma pena de prisão efetiva para o arguido, que está em prisão preventiva ao abrigo deste processo.

O advogado de defesa, por seu lado, pediu a absolvição do seu cliente dos crimes de rapto e de violação. Quanto ao crime de violência doméstica, o homem voltou hoje a assumi-lo, à semelhança do que fez na primeira sessão.