Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Movimento de Empresários da Restauração propõe IVA diferenciado no setor

Lusa

  • 333

Lisboa, 25 jun (Lusa) - O Movimento Nacional de Empresários da Restauração (MNER) propôs hoje ao Governo que se aplique um IVA diferenciado, à semelhança daquilo que acontece em França, para viabilizar o setor, disse hoje o porta-voz Daniel Serra.

O MNER reuniu-se esta tarde com uma comissão multiministerial, no Ministério da Economia, onde apresentou propostas para o IVA (imposto sobre o consumo) e para a redução de custos de contexto.

Em declarações aos jornalistas no final do encontro, Daniel Serra disse que a solução apresentada pelo movimento sobre o IVA "difere um pouco de outras associações", embora tenha admitido que se o imposto na restauração fosse reduzido esta associação ficaria "agradada".