Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mortalidade infantil aumentou em 2011 - Direção-Geral de Saúde

Lusa

  • 333

Lisboa, 22 jan (Lusa) -- A mortalidade infantil aumentou em 2011, face ao ano anterior, o que poderá ser explicado pela prematuridade e baixo peso à nascença, embora a mortalidade fetal e pós-neonatal tenha diminuído, segundo um relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS).

A DGS elaborou um estudo comparativo do número de óbitos da mortalidade infantil e suas componentes (2009-2011) com o objetivo de estudar a mortalidade infantil e tentar perceber o recrudescimento da taxa de mortalidade em 2011.

Segundo o relatório, em 2011 houve 3,1 mortes por mil nascimentos vivos (302 óbitos em 96.856 nados-vivos), face a 2,5 óbitos por mil nados-vivos (256 em 101.381).