Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Moçambique: PR Guebuza adverte para riscos de venda informal de combustível

Lusa

  • 333

Maputo, 06 ago (Lusa) - O Presidente moçambicano, Armando Guebuza, criticou a venda informal de combustível, o armazenamento em residências ou em outros locais que considerou "inapropriados", alertando para o risco de "ser uma faúlha para incêndios com consequências graves".

Recentemente, cinco pessoas morreram na província de Nampula, no norte do país, após um depósito de combustível localizado no interior da casa de um comerciante ter pegado fogo.

Falando no fim de semana na cerimónia do 15.º aniversário do Fundo Nacional de Energia (FUNAE), o chefe de Estado moçambicano considerou que "a venda de combustíveis em recipientes e em precárias e perigosas condições de manuseamento e conservação prejudica a qualidade do produto e, em última análise, interfere com a longevidade das viaturas".