Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Moçambique: Guebuza apela militantes da Frelimo para denunciarem compra de votos

Lusa

  • 333

Maputo, 02 out (Lusa) - O presidente da Frelimo, Armando Guebuza, apelou os militantes do partido no poder em Moçambique para denunciarem "a estranha prática de compra de votos" em eleições internas da organização, que considerou uma "tentativa de subverter consciências".

O repto foi lançado num curso de formação dos membros do Comité Central, em Pemba, província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique, onde no domingo terminou o X Congresso da Frelimo, que elegeu novos órgãos do partido.

"Haverá outras matérias relevantes ligadas à preparação e realização do nosso X Congresso que merecem a nossa atenção. Uma destas questões prende-se com as tentativas de introduzir, no seio da Frelimo, a estranha prática de compra de votos, a tentativa de subverter consciências", disse Armando Guebuza.