Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Moçambique admite que minas e gás podem não gerar trabalho suficiente

Lusa

  • 333

Maputo, 15 mar (Lusa) -- O Governo de Moçambique admitiu hoje que os planos para aproveitar o potencial de minas e gás do país poderão não gerar trabalho suficiente para eliminar o desemprego galopante.

"Queremos que tantos moçambicanos quanto possível trabalhem na indústria de extração", afirmou o vice-ministro dos Recursos Minerais, Abdul Razak, citado pela agência AFP, alertando que esta atividade "não emprega muita gente".

Razak garantiu que "cem por cento do trabalho não qualificado" necessário para desenvolver novos projetos será atribuído a cidadãos moçambicanos.