Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Missão militar internacional em Timor-Leste termina no primeiro semestre de 2013

Lusa

  • 333

Díli, 17 out (Lusa) - A missão da Força de Estabilização Internacional em Timor-Leste, liderada pela Austrália, vai terminar no primeiro semestre de 2013, disse hoje o chefe das forças de defesa australiano, o general David Hurley.

Segundo o general David Hurley, que falava durante uma audiência no Senado, em Camberra, citado pela agência "Australian Associated Press", o plano de retirada está em andamento em paralelo com a redução da missão da ONU no país, que termina o seu mandato a 31 de dezembro.

"Vai ser uma transição escalonada para as autoridades de Timor-Leste, em estreita colaboração e coordenação com Timor-Leste, ONU, Austrália e Nova Zelândia", disse o general australiano.