Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Misericórdias preparadas para assumir "primeiro pacote" de hospitais públicos

Lusa

  • 333

Porto, 02 mai (Lusa) - A União das Misericórdias Portuguesas (UMP) está em "negociações" com o Governo para assumir "um primeiro pacote" de cerca de dez hospitais nacionalizados no pós-25 de Abril, revelou hoje à Lusa o seu presidente, Manuel Lemos.

Em causa estão três hospitais no Centro e um no Alentejo "dois ou três" no Norte, mas o Hospital de Santo António (HSA), no Porto, não integra este bolo inicial de devolução de hospitais do Estado, assegurou o responsável, que espera ver "um dia o grande hospital do Porto devolvido à Misericórdia".

"A ideia agora é sentarmo-nos para fixar prazos, datas e a vontade final do Governo em relação a esta matéria, já que não manifestamos vontade. Dissemos que estávamos disponíveis se o Governo não tiver outra alternativa se não fechar as unidades", esclareceu Manuel Lemos em declarações à Lusa no fim da assinatura de um protocolo com a Cooperativa Árvore, no Porto.