Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministros das Finanças da UE aprovam imposto sobre transações financeiras

Lusa

  • 333

Bruxelas, 22 jan (Lusa) -- Os ministros das Finanças da União Europeia aprovaram hoje, em Bruxelas, a introdução de um imposto sobre as transações financeiras em 11 Estados-membros, entre os quais Portugal, através do mecanismo de cooperação reforçada, anunciou a presidência irlandesa da UE.

Depois do 'aval' do Parlamento Europeu, em dezembro passado, os 11 países que decidiram avançar com a taxa precisavam ainda da 'luz verde' do Conselho (Estados-membros), o que aconteceu hoje na reunião do Ecofin com uma "maioria qualificada clara", indicou o ministro das Finanças irlandês, Michael Noonan, no final da reunião.

Com esta decisão, fica definitivamente aberto então o caminho à implementação do imposto em Portugal, Alemanha, França, Áustria, Bélgica, Eslovénia, Estónia, Grécia, Itália, Espanha e Eslováquia, tendo a presidência irlandesa acrescentado que a próxima etapa do processo será a apresentação, pela Comissão Europeia, de um texto sobre o conteúdo e substância concretos do imposto.