Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministro das finanças alemão admite que Atenas "talvez" precise de ajuda suplementar

Lusa

  • 333

Atenas, 26 mar (Lusa) -- O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schauble, admitiu que a Grécia"talvez" precise de uma ajuda suplementar, apesar de considerar que o país está no "bom caminho" para restabelecer a confiança.

"Se o país conseguir um excedente primário a partir de agora e até ao fim da aplicação do plano da União Europeia (UE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI) em 2014 (...)", isso quer dizer que o "plano é eficaz e que a confiança regressa", afirmou Schauble numa entrevista publicada hoje pelo jornal grego Ta Nea.

"A Grécia está no bom caminho para restabelecer a confiança. E se a confiança se restabelecer, será mais fácil para o país continuar a beneficiar do apoio do qual talvez ainda precise no futuro", afirmou Schauble, recusando "adiantar hipóteses para depois de 2014".