Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministra do Trabalho de Moçambique aponta expulsão de treinador português como exemplo

Lusa

  • 333

Maputo, 24 out (Lusa) - A ministra do Trabalho de Moçambique, Helena Taipo, apontou a expulsão do treinador português Diamantino Miranda do país como exemplo de que "o Governo não admitirá que os moçambicanos passem por humilhações dentro do seu próprio território".

Diamantino Miranda, que treinava a equipa de futebol do Costa do Sol, foi obrigado este mês pelo Ministério do Trabalho de Moçambique a abandonar o país em 48 horas, acusado de violar a legislação laboral "por ofensas à dignidade dos moçambicanos".

O técnico disse numa discussão com um grupo de jornalistas no final de um jogo da sua equipa que "todos aqui são ladrões", em protesto contra o desempenho dos árbitros moçambicanos nos jogos.