Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministério Público faz 25 buscas a bancos por suspeita de "práticas anti-concorrenciais"

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 mar (Lusa) - Vinte e cinco buscas continuam desde hoje de manhã a decorrer a vários bancos, para "recolha de indícios" relacionados com suspeitas de "práticas anticoncorrenciais" nos "spread´s" para habitação e em empréstimos para consumo, disse à Lusa fonte ligada ao processo.

Segundo a fonte, as buscas abrangeram os "bancos em geral" que operam em Portugal e visaram a "recolha de indícios" de práticas de cartelização, que, a confirmarem-se, resultam em contraordenações, podendo a Autoridade da Concorrência aplicar multas pesadas aos infratores, o que terá um efeito "dissuasor".

Solicitada pela Autoridade da Concorrência (AdC) a operação contou com a promoção, coordenação e execução do Ministério Público (DIAP de Lisboa), tendo nela participado 25 procuradores, coadjuvados por elementos da PSP.